5 erros comuns das empresas nas Redes Sociais

Sua empresa anda cometendo estes 5 erros nas Redes Sociais?

As redes sociais surgiram com o propósito de unir pessoas e criar relacionamentos por meio da internet. O tempo passou, e com o crescimento no uso dessas ferramentas, suas funcionalidades foram expandidas: se antes eram utilizadas apenas de maneira informal, hoje também são instrumentos de trabalho fundamentais para as empresas.

Prova disso é que 92,1% das empresas estão presentes em alguma rede social, segundo estudo realizado pela Rock Content, com o relatório “Social Media Trends 2017”. O objetivo principal dessas organizações é divulgar suas marcas e ganhar mais visibilidade para atrair o público ideal e, assim, conquistar novos clientes ou negócios.

Mas será que as empresas estão utilizando corretamente essas ferramentas? A seguir, vamos mostrar os 5 erros nas redes sociais que geralmente são cometidos pelas empresas. Acompanhe e confira se você pratica algum deles.

1. Não conhecer o público profundamente

Não adianta definir o público de interesse da sua empresa apenas com dados superficiais, como faixa etária e classe social. É preciso mais do que isso: um conhecimento profundo sobre os desejos, as necessidades e os objetivos dessas pessoas é necessário.

Portanto, na hora de analisar o seu público, atente-se para outras questões, como a maneira com que seu cliente ideal se comporta e toma as decisões de compra, que tipo de dispositivos ele mais utiliza para comprar e até mesmo os dias e horários que ele mais acessa as redes sociais. Dessa forma, fica mais fácil desenvolver os conteúdos e interagir com os usuários.

2. Não atualizar ou interagir com os clientes nas redes

Do que adianta ter uma página/perfil em todas as redes sociais se nunca há novidades, publicações ou os clientes não são respondidos? Talvez esse seja um dos piores erros que uma empresa pode cometer, pois é um sinal de abandono, o que pode levar até mesmo o usuário a ter dúvidas se a empresa ainda existe.

Crie uma estratégia para manter o perfil sempre atualizado. Uma boa dica é montar um cronograma para que as publicações ocorram frequentemente. Além disso, é importante interagir com o usuário que comenta, curte e compartilha suas publicações. Dessa maneira, ele se sentirá mais estimulado a continuar praticando essas ações.

3. Querer “abraçar o mundo”

Não adianta ter dezenas de objetivos e metas: para conseguir os resultados esperados, é preciso limitar essa lista e focar em alguns deles.

Nas redes sociais, isso também acontece. É impossível estar presente de forma eficiente em todas elas. Pensando rápido, podemos citar as mais utilizadas: Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e Snapchat.

É preciso escolher apenas algumas delas, de acordo com o perfil de sua empresa e o seu público de interesse. Analise as funcionalidades de cada uma e veja quais são as mais interessantes para o seu negócio.

4. Não gerenciar os resultados e o dia a dia das redes

Um dos maiores benefícios das ferramentas de marketing digital, é a possibilidade de mensuração de resultados, e, pasmem, muitas empresas não gerenciam essas informações.

Além das ferramentas que existem fora das redes sociais, elas também disponibilizam suas próprias métricas. Você pode conferir o engajamento, os acessos e até mesmo as conversões.

Com esses dados é possível fazer boas análises e verificar o que tem dado certo ou não em suas ações e, assim, aprimorar o que tem obtido êxito e alterar o que não tem tido o resultado esperado.

5. Ignorar as críticas

Receber críticas não é fácil, ainda mais quando se tem um grande público observando essas opiniões, mas ignorar um comentário negativo sobre sua empresa ― ou pior, apagá-lo ― é a pior reação que você pode ter.

Sempre responda com atenção e educação esse tipo de usuário e tente deixar claro para as outras pessoas que poderão ver os comentários, que sua empresa tem grande preocupação em resolver os problemas que podem vir a ocorrer.

Além de desfazer a má impressão com o consumidor insatisfeito, você ainda mostra para os outros usuários que é uma empresa que se preocupa com o consumidor e que tem credibilidade.

Gostou do nosso post sobre os erros nas redes sociais? Aproveite e compartilhe-o com seus amigos nas redes sociais!